18 de novembro de 2018

Sargento Rodrigues é obrigado pela Justiça a tirar vídeos contra Romeu Zema por expor menor

Sargento Rodrigues é obrigado pela Justiça a tirar vídeos contra Romeu Zema por expor menor

Por Redação Bem Minas

Publicado as 22/10/2018 17:08:02

A Vara da Infância e Juventude da Comarca de Araxá, determinou nesta sexta-feira (19) que o deputado estadual
Sargento Rodrigues (Washington Fernando Rodrigues) retire imediatamente do ar as postagens no Facebook que
acusa o candidato ao Governo de Minas Gerais Romeu Zema de um suposto abuso sexual de uma menor.
No passado, a Justiça já considerou a denúncia falsa, e o acusador, pai da criança, é réu por denunciação caluniosa.
O juiz Cláudio Henrique Cardoso Brasileiro determinou uma multa cominatória de R$5.000 por dia caso a determinação não seja cumprida, o deputado estadual Sargento Rodrigues recebeu a intimação pelo WhatsApp, por e-mail e telefone. O Facebook foi determinado a informar os perfis de usuários que compartilharam três vídeos que tratam sobre a acusação, além da empresa que administra a rede social, para excluir aqueles que já tiverem sido postados e/ou compartilhados.
A ação foi proposta pelo advogado Robson Merola, que defende a mãe da criança colocada como vítima pelo deputado. "Ajuizei uma medida protetiva de urgência contra um parlamentar da Assembleia Legislativa de Minas Gerais que fez circular um vídeo em sua página no Facebook, onde ele lê documentos sigilosos envolvendo uma criança, atualmente com 11 anos de idade.
O juiz analisou que o deputado lê trechos constragedores de documentos internos de um processo sigiloso, a criança mora em uma cidade com pouco mais de 100 mil habitantes, e que poderia ser facilmente identificada por conhecidos, parentes ou amigos, mesmo tendo apenas as iniciais lidas pelo deputado.
Fonte: O tempo
Foto: Google Imagens


Comentários

© Copyright 2018. Portal Bem Minas.