Search

Mercado das Flores é reaberto em Belo Horizonte

O local também funcionará como uma nova filial das empresas de turismo do Sesc, direcionada para a comercialização de excursões e hospedagens.

Nesta terça-feira (19) aconteceu o evento de reabertura do Mercado das Flores, em Belo Horizonte. Situado ao lado do Parque Municipal, o local vai funcionar como Centro de Atendimento ao Turista (CAT). O espaço será aberto ao público a partir desta quinta-feira (12). 

Administrado pelo  Sistema Fecomércio de MG, o Mercado das Flores passou por um processo de revitalização e pretende fornecer aos turistas roteiros de passeios, viagens e agendamento de visitas aos pontos turísticos da capital. Além disso, contará com uma área de lazer destinada a receber reuniões e eventos culturais e gastronômicos menores.

O local também funcionará como uma nova filial das empresas de turismo do Sesc, direcionada para a comercialização de excursões e hospedagens.

O Sesc Minas conquistou a licitação realizada pela Belotur em dezembro de 2022 e será responsável pela gestão do espaço pelos próximos três anos, podendo estender por até uma década.

De acordo com o SESC, espera-se que cerca de 350 pessoas visitem o local por dia, e 1.000 pessoas aos domingos, durante a Feira de Artesanato na avenida Afonso Pena.

Nadim Donato, presidente da Fecomércio MG, estava na inauguração e falou sobre os planos para o local.

“Esperamos que nesta nova fase ele se torne também uma referência em atendimento aos turistas e à população local, com experiências que celebram a nossa cultura, impulsionam o turismo e criam novas histórias para a cidade”, disse Donato.

O presidente ainda falou sobre os serviços que o local deve ofertar.

“O espaço está preparado para atender os turistas de BH, sobretudo, aqueles que frequentam a Feira de Artesanato. (…) também poderemos realizar diversos cursos aqui como o de floristas e capacitação para baristas, coqueteleiros e outros tipos de cursos “, completou. 

O prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman (PSD), também estava presente no evento e falou sobre a inauguração.

“Nós estamos realizando um sonho, de reabrir um espaço, o Mercado das Flores, como nome tradicional, mas que vai funcionar como Centro de Atendimento ao Turista” disse Noman.

Preservando a cultura local 

O prédio, localizado na Avenida Afonso Pena, esquina com a Rua da Bahia, estava fechado desde 2017. No espaço funcionava a floricultura Flora Rosa, surgindo o apelido “Mercado das Flores” e também o posto de vendas de ingressos do Sindicato dos Produtores de Artes Cênicas de Minas Gerais (Sinparc).

Embora transformado em um Centro de Atendimento ao Turista, o edifício que abrigava o Mercado das Flores manteve sua arquitetura original intacta. A flor Sempre-viva foi escolhida como a marca do local, simbolizando a resistência ao longo dos anos. 

O CAT opera de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h, e aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 14h.

Compartilhe nas suas redes sociais:

Lorena Cordeiro

Lorena Cordeiro

Jornalista e mestre em Comunicação pela Universidade Federal de Ouro Preto – UFOP. Repórter no Portal Bem Minas desde 2020 nas editorias Meio Ambiente, Mineração e Energias Renováveis.

Artigos em alta